23/05/2018

[ ATENÇÃO ]





Imagem relacionada


VOLTAREMOS
DIA 28
COM NOVIDADES!


Imagem relacionada





O blog ficará desatualizado por um tempinho por motivos pessoais. (Não é nada sério e nem ruim hahaha é correria mesmo.) Mas logo estaremos de volta, e com novidades!

Obrigada por compreenderem!
Beijinhos


17/05/2018

[ RESENHA ] Mr. Romance

Resultado de imagem para livro Mr Romance
Título: Mr Romance
Autor: Leisa Rayven 
Editora: Globo Alt

Páginas: 358
Estrelas: 3/5
Max Riley pode fazer com que as fantasias mais incríveis ganhem vida: sob o alter-ego de Mr. Romance, ele pode ser um bilionário dominador, um bad boy inocente, um geek sexy ou qualquer outro homem que satisfaça os desejos das mulheres solitárias da alta sociedade de Nova York. No entanto, nada disso envolve sexo: são apenas encontros inesquecíveis. Intrigada com a lenda urbana de Mr. Romance, a jornalista Eden Tate está determinada a publicar uma matéria revelando sua identidade e suas artimanhas. Desesperado para proteger seu anonimato, Max desafia Eden a ter com ele três encontros: se ela não se apaixonar por ele, poderá publicar a matéria. Caso contrário, deverá esquecer a história. Eden não tem dúvidas de que conseguirá resistir a todos os falsos personagens de Mr. Romance, mas será que é seguro entrar no jogo do maior mentiroso de todos?

Um breve gostinho da história...
A  história gira em torno de Max Riley e Eden Tate.

Max é um homem falido que descobriu que poderia pagar suas dividas e ter seu sustento fazendo apenas o que todo homem deveria fazer mas a maioria não faz: TRATAR UMA MULHER COM O DEVIDO RESPEITO!

E ele é bom nisso.
O que começa apenas com uma breve conversa com uma conhecida em um bar se torna um negócio com uma lista enorme de clientes e que não para de crescer.
Max é um cara reservado (até porque seu "trabalho" o obriga a ser), bonito, inteligente, romântico e muito, muito criativo.
As fantasias criadas por ele realmente te deixam envolvidas. De fato os personagens parece reais.
Mas a cada personagem que conhecemos vemos características semelhantes entre eles. Isso porque todos eles na verdade são o mesmo homem.
Fiquei me perguntando como Max poderia apresentar personagens que fossem interessantes para cada cliente sem conhece-las. 
A resposta? Simples, ele  pede que elas respondam um "questionário" sobre elas mesmas.
Assim ele consegue avaliar o perfil de cada cliente como indivíduo e criar seus personagens baseado nas respostas.
Mas obviamente ele tem regras.

  • Ele não toca as clientes em áreas especificas (se é que me entendem) e nem elas podem toca-lo.
  • Existem encontros que ambos interpretam personagens, então ambos tem que manter o personagem a não ser que um dos dois passe dos limites. Caso isso aconteça qualquer um dos dois pode encerrar imediatamente o encontro pronunciando a palavra: VETO!
  • Ele não expõe a identidade de suas clientes e elas não podem expor a sua.
  • E ele nunca, jamais, de maneira nenhuma dorme com suas clientes!

Imagem relacionada

14/05/2018

[ RESENHA ] O Inferno de Virginia Washington

Título: O Inferno de Virginia Washington
Autora: Vivianne Sophie
Editora: Independente
Páginas: 62
Estrelas: 5/5
Livro: Cedido pela autora, em pdf


Virginia Washington vive o seu próprio inferno toda vez que se permite sonhar. Imersa em medicamentos para o sono, ela mal imagina que uma antiga maldição, recaíra logo sobre a sua vida. Quando em uma tarde chuvosa, uma aparição estranha resolve reclama-la para si, Virginia precisará descobrir o passado da mansão onde vive e tentar encontrar dentro de si mesma, a fé que a motiva a viver e a coragem para encontrar no passado, as respostas para os fatos recentes. Terror, romance e uma pequena dose de drama, é o que você encontrará neste conto. Prepare-se para a batalha entre o bem e o mal.
 


Hoje irei apresentar para vocês esse conto muito interessante e recheado de mistério, cenas macabras e um romance muito fofo haha. Só o título e essa capa maravilhosa foram o suficiente para despertar a minha curiosidade de ler essa obra. E vocês não imaginam tamanha a minha alegria ao ser convidada para participar da Ação de divulgação desse conto. Escrito pela talentosa e criativa, Vivianne Sophie, autora dos livros “A Mensageira da Morte” e “O Homem no Espelho”, ambas as obras possuem uma história envolvente que mesclam fantasia, suspense, mistério, terror e romance, que são os seus gêneros preferidos. Como eu já conhecia a escrita da Vivi, iniciei a leitura no mesmo dia em que recebi o livro haha. Agora vamos à resenha. 

"Foi difícil exprimir qualquer palavra diante da visão da criatura nefasta que o fitava. Tentou tocar no crucifixo de prata pendurado em seu pescoço, mas antes que pudesse dizer qualquer coisa ou mesmo tentar fugir, seu corpo foi arremessado para o outro lado do banheiro. O azulejo frio parecia quente, dada a pancada que seus ossos receberam. Tentou se mexer, mas uma escuridão com cheiro de morte lhe envolveu e sua vida foi sugada em poucos segundos."

As noites de sono geralmente deveriam ser bem tranquilas, pois é neste momento em podemos descansar o nosso corpo e também nos permitir sonhar, ou em alguns momentos; ter pesadelos. E para Virginia Washington, uma jovem de 17 anos, que além de ter o mais bizarro dos pesadelos, de alguma forma eles também aconteciam enquanto ela permanecia acordada.

Nas mais altas horas da madrugada, era possível ouvir não apenas os ruídos das tábuas antigas da Mansão a qual ela residia, como também uns ocasionais rangidos, tão vívidos que não pareciam frutos da sua imaginação, onde ela imaginava todo um cenário hostil, tornando as suas noites um verdadeiro inferno.  

09/05/2018

[ RESENHA ] A Batalha Inesperada

Título: A Batalha Inesperada
Autor: Carolina Ramalho
Páginas: 261
Editora: Autografia
Estrelas: 1/5
Livro: Cedido pela editora

Ashley é uma adolescente como todas as outras, Tem amigos do quais se orgulha e encontra alguém por quem se apaixonar. Mas tudo muda quando ela e sua família decidem viajar para a casa de um parente. Desde então não só ela tem que enfrentar uma difícil e inesperada batalha.


Não há nada no resumo indicando muito o caminho que o livro vai seguir por isso fiquei bastante curiosa para entender a história e qual era a importante batalha. Pena que o resultado é muito decepcionante. A narrativa começa como uma espécie de redação escolar daquelas tipo "quem sou eu". Nossa protagonista é Ashley Williams uma garota de 16 anos que possui uma boa família, amigos legais como Alyssa e Isaac, está no ensino médio e está prestes a se apaixonar. Rapidamente ela conhece um lindo garoto que se mudou de escola chamado Sam. O relacionamento deles flui rápido e tudo está a mil maravilhas. O livro demora demais a mostrar sua proposta e não apresenta um bom plot principal. Os acontecimentos vão se sucedendo sem conectividade e tudo parece um enorme bagunça.

Durante todo o enredo ela conhece cada vez mais pessoas, mas muitas mesmo. Acho que a autora tentou formar um grupo de amigos divertido e que serviriam de suporte para a protagonista, mas são tantos personagens que não dá para lembrar seus nomes. Além disso não há nenhum desenvolvimento em relação a eles. A maior função deles é formar casal. Todos, absolutamente todos, começam a namorar um com os outros. Não há nenhum que eu possa dizer que caiu nas minhas graças. Para ser sincera nada nesse livro me foi positivo. Eu odeio ser essa pessoa que critica negativamente e procuro algo positivo para dizer, pois reconheço o trabalho e esforço dos autores, mas a autora do livro, Carolina Ramanho ainda tem coisas demais a aprender.

07/05/2018

[ RESENHA ] Ninfeias Negras

Título: Ninfeias Negras
Autor: Michl Bussi
Editora: Arqueiro
Páginas: 352
Estrelas: 4,5/5
Giverny é uma cidadezinha mundialmente conhecida, que multidões de turistas todos os anos. Afinal Claude Monet, um dos maiores nomes do impressionismo, a imortalizou em seus quadros, com seus jardins, a ponte japonesa e as ninfeias do laguinho. É nesse cenário que um respeitado médico é encontrado morto, e os investigadores encarregados do crime se veem enredados numa trama em que nada é o que parece à primeira visita. Como numa tela impressionista, as pinceladas da narrativa se confundem, para, enfim, darem forma a uma história envolvente de morte e mistério em que cada personagem é um enigma à parte.

Assim que olhei o título e a capa de Ninfeias Negras me apaixonei e quis o livro a todo custo. De fato a narrativa é muito envolvente e guarda segredos, reviravoltas e revelações que te prendem ao livro. São três protagonistas: Fanette Morelle é uma garota de 11 anos que adora pintura e chamava a atenção de todos os colegas pela sua vivacidade; Stéphani Dupain está na faixa dos 30 anos e é professora do primário. Apesar de ser casada ainda sonha em viver uma paixão como em seus livros e verá isso prestes a acontecer. E por último temos uma senhora de 80 anos que é a narradora dessa intrigante trama e que não recebe um nome. Elas parecem ser bastante diferentes, a não ser o fato que de que todas moram em Giverny e estão, de alguma forma, ligadas ao assassinato do médico Jerôme Morval.

Resultado de imagem para ninfeia negras livro

A pequena cidade de Giverny atrai muitos turistas pela sua exuberância e por ter sido moradia de Monet, mas passa a ser o centro de uma investigação policial da estranha morte do médico que levava junto a ele um cartão de aniversário de 11 anos com os dizeres " O crime de sonhar eu consinto que seja instaurado". Nada nesse assassinato parece fazer sentido para o investigador que assume o caso Laurenc Serénac e seu assistente Sylvio. As histórias das protagonistas parecem correr sem nenhuma ligação, mas toda informação passada através delas pode ser uma chave para resolver o mistério. Mas se você pensa que a morte de Jerôme é o único mistério da narrativa está muito enganado.

"Num vilarejo viviam três mulheres. A primeira era má; a segunda, mentirosa; e a terceira egoísta."

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo