26/01/2018

[ EDITORA PARCEIRA ] Universo dos Livros

Olá amados do meu coração!!!
É com total felicidade e emoção que venho apresentar para vocês a nova editora parceira aqui do CL. 

Resultado de imagem para gif riverdale comemorando
Esse gif já é para adiantar que em breve tem post falando da série RIVERDALE ♥
Resultado de imagem para UNIVERSO DOS LIVROS
A felicidade está inundando os ambientes por onde passo, genteeeee. Só tenho que agradecer muito á editora por essa oportunidade e confiança... Vamos arrasar juntas!

Agora conheçam um pouco sobre a editora e conheçam alguns dos livros publicados por ela.


A EDITORA:
A Universo dos Livros foi criada em 2006, a partir de nossa paixão pela literatura.
Entendendo o livro como companheiro e melhor amigo, buscamos lançar títulos que instruem, emocionam e transformam vidas, livros que deixem no leitor a irresistível sensação de “quero mais”.
Seguindo essa premissa, nossa linha editorial iniciou-se com obras técnicas que acompanhavam os leitores durante o trabalho, passando, na sequência, para títulos que inc entivassem o desenvolvimento pessoal e ajudassem na busca pela felicidade.
Completando a concepção de universo dos livros, que norteou a escolha do nome da editora, iniciamos a linha de ficção, com títulos que proporcionam entretenimento, emocionam e alegram nossos milhares de leitores.
Hoje, já são mais de 1200 títulos publicados, dentre os quais podemos destacar best-sellers como Deixe os homens aos seus pés, O homem que falava com espíritos, Desvendando o Nosso Lar, Pescadores de corações, Adorável heroína e a série Irmandade da Adaga Negra.
Com isso, o tripé instrução, desenvolvimento pessoal e entretenimento ficou completo, e passou a nortear nossa linha editorial, fazendo com que a Universo dos Livros, em pouco tempo, se tornasse uma editora de referência nas áreas em que atua.

25/01/2018

[ RESENHA ] Menina de Vinte



Título: Menina de Vinte
Autor: Sophie Kinsella
Páginas: 496
Editora: Record
Estrelas: 5\5
Lara Lington sempre teve uma imaginação fértil. Agora ela começa a se perguntar se está ficando maluca de vez. Meninas normais de vinte poucos anos não veem fantasmas, né? Pelo menos era o que ela pensava até o espírito da tia-avó Sadie, que foi uma jovem dançarina de Charleston com ideias avançadas sobre moda e amor, aparecer misteriosamente com um último pedido: Lara precisa localizar um colar que foi dela por mais de 75 anos. Só assim tia Sadie poderá descansar em paz. Além de encontrar a joia, Lara tem que lidar com probleminhas do dia a dia: a sócia foi curtir um romance em Goa, sua empresa está afundando e ela acabou de ser abandonada pelo homem “perfeito”. Nesta divertida história, Lara e Sadie são duas meninas de vinte bem diferentes que vão aprender a importância dos laços familiares e da amizade.

Sabe quando tudo começa a desandar na vida? Lara Lington sabe bem disso. Primeiro ela perde o namorado, depois a melhor amiga dela larga empresa que elas montaram em cima dela e agora terá que lidar com um funeral de uma tia que nem conheceu. E mais: fazer com que os pais não descubram o quanto sua vida está afundando. Só um funeral reuniria toda a família Lington que é formada pelo amável pai de Lara, a neurótica mãe e a cínica Tonia, irmã de Lara. Todos eles sempre viveram à sombra do tio rico, dono do império dos café Lingtons, Bill.

No meio do funeral algo acontece: uma garota de seus 23 anos e roupas da década de vinte grita para acabar com a cerimônia, pois ela precisa do seu colar perdido. O problema é que só Lara enxerga essa garota que é nada mais nada menos do que o fantasma da tia-avó Sadie! Ela enlouquece Lara para que ela pare a cerimônia e assim ela o faz com a desculpa de que Sadie teria sido assassinada. Essa é apenas a primeira enrascada que Sadie meteria Lara.

Ninguém sabe porque apenas Lara consegue enxergar Sadie, mas é incumbida de descobrir o paradeiro desse colar tão importante para a tia avó. Lara é uma personagem muito legal, que logo virou uma “amiga” minha. Já Sadie é realmente irritante e egocêntrica, mas é impossível não gostar dela. Graças a ela a protagonista vê uma mudança na sua vida. 

"Nunca ouviu uma voz dentro de você mandando que mudasse de vida? Dizendo que estava no momento errado?"

23/01/2018

[ SORTEIO ] O Cometa - 2 exemplares

Oi queridos leitores! Hoje é post especial, heim? Hoje é dia de alegria, de sorrir e cantar (mazoquêqueeuestoufalando) 

HOJE É DIA DE SORTEEEEEIO 

Resultado de imagem para gif muito feliz

O sorteio é de uma parceria com meu amigo Marcio do blog Um Baixinho nos Livros, quem me acompanha a mais tempo já teve conhecer ele, nos conhecemos através desse mundo de livros e construímos uma amizade que já duram 3 anos e estamos sempre ajudando e apoiando um ao outro. E quem está disponibilizando os livros (Sim!!! São dois livros) é o autor Farrel.


22/01/2018

[ RESENHA ] Corpo

Título: Corpo (Trinity #1)
Autora: Audrey Carlan
Editora: Verus
Páginas: 364
Estrelas: 5/5
Livro: Cedido pelo Grupo editorial Record

Uma nova vida. Um novo amor. Um perigo real.

"Eu te amo. Eu te quero. Eu nunca vou te deixar." Gillian Callahan entra em pânico só de ouvir esse tipo de frase. Por anos ela viveu uma relação abusiva com seu ex-namorado violento. Agora ela está livre e segura, trabalhando para uma fundação de apoio a mulheres vítimas de violência - a mesma que a resgatou e salvou sua vida. Gillian não quer saber de homem nenhum. Até conhecer Chase Davis, o presidente da fundação. O bilionário é tão sexy e sedutor que Gillian fica sem chão. Chase sempre consegue o que quer - e ele quer Gillian. Agora ela terá de enfrentar a batalha entre o desejo e o medo. Gillian vai conseguir confiar em Chase? Ela está segura com ele? E quão perigoso pode ser um passado sombrio... não só o dela, mas o do homem que ela aprendeu a amar?
 


Gillian Callahan já passou por mais dores físicas e emocionais nos seus vinte e quatro anos do que a maior parte das mulheres passa a vida inteira. Sem pais ou qualquer família para lhe dar apoio, Gillian viu em Justin a sua salvação e por estar muito apaixonada, ela decide morar com ele, e é nesse momento que Justin mostra a sua verdadeira face.

As agressões eram constantes a ponto de ele bater tanto em seu rosto até ficar irreconhecível, suas idas ao hospital por conta de costelas quebradas e entre outras contusões causadas em momentos de raiva ou apenas por pura crueldade, a deixavam mais amedrontada, pois era um motivo para Justin ameaçá-la se ela contasse aos médicos o que realmente aconteceu. Mas nada era pior do que as agressões emocionais que ele a afligia, cujas marcas ficaram em seu pensamento por muito tempo.  

“-Vadiazinha mentirosa! Você acha que eu não sei sobre você e o Todd? –Justin está tendo um acesso. Totalmente bêbado, ressentido e agressivo. Eu sei instantaneamente que isso não é bom. –Justin, eu nunca trairia você. Eu te amo. Você sabe disso. Não tem mais ninguém –garanto. O golpe atinge o meu olho com tanta força que eu caio no chão. Seguro a área sensível em meu rosto. –Você está trepando com o seu coleguinha de classe. Eu sei! No instante em que eu viro as costas, vocês começam a se pegar, não é?Não é?! Tento ficar de pé, mas ele me chuta várias vezes no estômago. Uma dor quente, ardente, rasga o meu peito, e eu ouço o som nauseante da minha costela quebrando. Não consigo contar os golpes. Uivo e engasgo quando ele fica em cima de mim, segurando meus braços acima da cabeça com uma mão. Forçar as costelas quebradas a se esticarem e se arquearem quase me faz perder a consciência. A dor é tão intensa que eu sinto que estou sendo rasgada ao meio.-Olhe aqui, sua putinha. Ninguém vai te querer. Você não vale o seu peso em merda. Sorte a sua que eu fiquei do seu lado, mas você nunca mais vai trepar, beijar nem tocar outro homem. Entendeu? –Ele bate minha cabeça no chão de madeira. Estou vendo estrelas. Concordo freneticamente, mas mesmo assim ele me dá um soco no rosto, cortando meu lábio. Sangue escorre pela lateral da minha cabeça. O gosto de cobre enche minha boca, enquanto eu engasgo e cuspo uma tentativa de grito.”

 Após a última agressão, Gillian chegou a ficar cara a cara com a morte, mas graças a Fundação Safe Haven, ela foi resgatada e passou por tratamentos e terapias em grupo com outras mulheres que também haviam sido vítimas de violência doméstica. Justin nunca mais fora visto e com o passar do tempo, Gillian conseguiu ser erguer e finalmente ter uma vida normal. 
© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo